Em cima da hora:
GM investe US$ 500 milhões em rival do Uber
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • Feeds
  • 22/02/2014


    Sobe - A 5ª edição do Encontro de Muares de Feira de Santana, por trazer alegria e lazer. 
     
    Desce - O impasse envolvendo os médicos e a direção do Samu em Feira de Santana. 
     
    Fluminense
     
    Estive ontem visitando a sede do Fluminense de Feira, onde tomei conhecimento das atividades visando ao início do Campeonato Baiano da 2ª divisão, através do presidente Fábio Lucena e dos conselheiros Elcio Abreu, Carlinhos e Júlio. Depois, fui almoçar em uma churrascaria da cidade, quando chegou o presidente e pediu-me para conversar com o diretor da Transoares Turismo. O resultado foi uma parceria a partir da qual a empresa feirense vai fornecer ônibus para os quatro jogos fora do Município e a locomoção para os jogos no Joia da Princesa.
     
    Tom
     
    O deputado estadual Tom Araújo fechou esta semana mais um apoio importante para a sua candidatura à reeleição. Trata-se o do ex-vereador Moacir Lima, o major Moacir, que garantiu-lhe o apoio. O deputado já dispõe de um bom grupo em Feira de Santana.
     
    Aniversário
     
    O deputado Carlos Geílson festejará amanhã, no espaço do Prime Eventos, a passagem do seu aniversário. Os convites já foram distribuídos e espera-se a participação de autoridades politicas e correligionários do deputado. O início das festividades está marcado para as 14 horas. 
     
    Reunião 
     
    Na última quarta-feira (19), o vereador Pablo Roberto (PT) seguiu para Brasília. As notícias dão conta de que o parlamentar, acompanhado do deputado estadual Yulo Oiticica, participou de reuniões com membros da Comissão de Direitos Humanos da Câmara, onde foram recebidos pela Ministra Maria do Rosário, que está à frente da Secretaria de Direitos Humanos. No mesmo dia se reuniram com o Dep. Federal Luiz Couto, membro da Comissão de Direitos Humanos da Câmara Federal em Brasília. Na oportunidade, Pablo solicitou a participação da Comissão de Direitos Humanos e também da Polícia Federal nas investigações referentes aos últimos acontecimentos na nossa cidade, onde está sendo acusado de fazer parte de um grupo de extermínio.
     
    Demissão 
     
    O ministro da Saúde, Arthur Chioro, pediu demissão do cargo para assumir uma vaga na Universidade Federal de São Paulo (Unifesp). A portaria com a exoneração a pedido está no Diário Oficial da União de ontem (21). A assessoria do ministério informou que Chioro foi aprovado em concurso da Unifesp antes de assumir a pasta. Ele tomou posse ainda ontem na universidade e se licenciou para reassumir o ministério. O retorno dele ao cargo de ministro foi publicado também ontem em edição extra do Diário Oficial. Assume interinamente a pasta Mozart Julio Tabosa Sales, atual secretário de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde. 
     
    Mulher na parada 
     
    O governador Jaques Wagner (PT) pediu à sua articulação política a realização de uma pesquisa para avaliar o impacto de uma eventual candidatura feminina à vice do pré-candidato petista, Rui Costa. A sondagem leva em conta principalmente a existência da candidatura ao governo da senadora Lídice da Mata (PSB) e de sua companheira de chapa, Eliana Calmon, ex-ministra que disputará o senado. Apesar de te se disposto a fazer o levantamento, Wagner já teria na cabeça o nome ideal para a vice de seu candidato. Ele seria um homem, cuja força para ocupar a vaga está cada vez mais evidente entre os governistas.
     
    Apoio do PT 
     
    Em ato que reuniu centenas de pessoas no auditório da Câmara Municipal de Camaçari, a Esquerda Democrática Popular (EDP) - uma das correntes internas do Partido dos Trabalhadores (PT) - declarou apoio à pré-candidatura de Luiz Caetano para deputado federal. O evento, realizado na noite da última quinta (20), contou com a participação do deputado federal Nelson Pelegrino, líder da EDP na Bahia. Na ocasião, o parlamentar orientou às lideranças que mantém no município para que atuem em prol da eleição do ex-prefeito. "Sempre acompanhei o trabalho desenvolvido por Caetano em Camaçari e sou testemunha de uma gestão modelo em eficiência". 
     
    Descontentamento 
     
    Se casamentos existem na política, o par formado entre PP e PT não vai muito bem. Cotados para assumirem a vaga de vice da chapa governista, esta que só deverá ser anunciada após o Carnaval, os pepistas estão descontentes com o tratamento recebido aos seus correligionários e caciques pela base do governo, liderada pelos petistas. O fato foi evidenciado pelo deputado João Leão, que morde e assopra. Em conversa, o parlamentar comparou política a um casamento. "Temos momentos de felicidades e de tristezas e de brigas, mas num casório, se o tratamento dado de um para outro não é bom, a crise se agrava", disse o mandatário do PP no estado.
     
    Gafe 
     
    A ministra do Planejamento, Miriam Belchior, cometeu um ato falho na última quinta-feira (20), durante o anúncio das medidas na área de pessoal com o corte no orçamento, e chamou a presidente Dilma Rousseff de "presidenta Lula". "Fizemos proposta bastante enxuta para o ano, o final do primeiro mandato da presidenta Lula", disse a ministra. A gafe só foi percebida após aviso do ministro da Fazenda, Guido Mantega. Ao rir da situação, a ministra corrigiu: "Presidenta Dilma". O corte de R$ 44 milhões no orçamento não deve afetar investimentos em áreas sociais, como educação e saúde.
     
    Saudável 
     
    O ex-deputado federal José Genoíno apresenta ˜boa aparência e quadro geral de saúde estável. As conclusões foram relatadas por um assistente social e um psicólogo da Seção Psicossocial da Vara de Execuções Penais (VEP) do Distrito Federal, que faz o acompanhamento mensal de Genoíno em prisão domiciliar. Ele foi condenado a quatro anos e oito meses de prisão na Ação Penal 470, o processo do mensalão, mas, devido ao seu estado de saúde, cumpre domiciliar temporária. Os dois profissionais visitaram o ex-parlamentar no dia 30 de janeiro. Genoíno reclamou de insônia, falta de fôlego e cansaço para fazer as atividades diárias. 
     
    PSDB de fora 
     
    Após o PMDB sugerir a saída do PSDB da disputa na chapa majoritária da oposição, integrantes do partido afirmaram a presença da sigla até a definição dos candidatos. "Acho que não faz o menor sentido. Foi infeliz a declaração de quem deu. A gente trabalha pela unidade, com todos os partidos unidos para vencer as eleições. É esquisita a forma direta de querer tirar o PSDB da chapa. Confesso que não entendi muito bem", disse o deputado estadual tucano Adolfo Viana. 


Os comentários e textos não representam a opinião do portal; a responsabilidade pelo blog é do autor da mensagem.
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia