Em cima da hora:
Queda de energia em Brotas deixa serviço da Defesa Civil fora do ar
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • Feeds
  • 25/07/2013

    Sobe - A Secretaria de Segurança Pública e a Polícia Militar pela operação no Presídio de Feira. Desce - O Governo Estadual pelo atraso nas obras da Lagoa Grande.


    Aliança assentada

    Depois de afirmar recentemente que o PMDB seria um "ajuntamento de assaltantes" e de, em 2002, cair drasticamente nas eleições presidenciais por declarações polêmicas durante entrevista em uma rádio, o ex-ministro da Fazenda Ciro Gomes (PSB-CE) disse na última terça-feira (23) que a presidente Dilma Rousseff "pilota uma aliança assentada na putaria". Além de criticar a base aliada, Ciro considerou "uma lambança" o pronunciamento da chefe do Executivo sobre os protestos de rua no Brasil e afirmou que a presidente trocou os pés pelas mãos ao lançar o programa Mais Médicos

    Sem aliança

    O Vaticano se distancia da tentativa do governo brasileiro de propor uma aliança para o combate à pobreza. Na última segunda-feira (22), a presidente Dilma Rousseff não perdeu a chance de, no primeiro discurso ao lado do papa Francisco, descrever a política social do governo e formular uma proposta de se aliar ao Vaticano para desenvolver uma política internacional baseada no combate à pobreza.  O porta-voz do Vaticano, Federico Lombardi, garantiu ao jornal O Estado de S. Paulo que o pontífice "apreciou" o tom da presidente e que existem "pontos de sintonia", mas insistiu que, no momento, a Santa Sé não tem a intenção de assinar acordos nessa direção.

    Controle

    O líder do PT no Senado, Wellington Dias (PI), apresentará em agosto projeto para que integrantes do Tribunal de Contas da União (TCU) e das cortes que julgam finanças de Estados e municípios passem a ser fiscalizados pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Segundo o parlamentar, o caso do ministro do TCU Raimundo Carreiro reforça a necessidade de criação desse controle externo, cujo texto legal vem sendo elaborado desde maio.

    Mais um

    Embora ainda desconhecido da maioria da população do Estado, o ex-prefeito de Mata de São João, município da Região Metropolitana de Salvador (RMS), João Gualberto, indicado pelo PSDB como pré-candidato à sucessão ao Palácio de Ondina, se anima com o cenário pré-eleitoral para 2014. A conjuntura atual, com protestos realizados nas principais capitais, segundo o tucano, é uma demonstração de descontentamento da população com as políticas dos governos, evidenciadas na "falta de prioridade" com a educação e outros serviços básicos.


Os comentários e textos não representam a opinião do portal; a responsabilidade pelo blog é do autor da mensagem.
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia