Em cima da hora:
Enchente atinge bananais em três cidades do Vale do Ribeira, SP
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • Feeds
  • 24/10/2020


    Sobe - Polícia Federal por fazer uso de drones para flagrar crimes como boca de urna durante as eleições 2020.


    Desce - Embasa por insistir em desrespeitar lei municipal que reduz pela metade taxa de esgotamento sanitário em Feira de Santana.


    Preferência


    Eleitores acima de 60 anos, pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida e pessoas que fazem parte do grupo de risco para o coronavírus estão sendo orientadas, pela Justiça Eleitoral, a votar no horário preferencial das 7h às 10 horas.


    Não é exclusividade


    O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) ampliou o horário de votação em uma hora (7h às 17h) por conta da pandemia da Covid-19. A intenção é evitar aglomerações no dia do pleito, 15 de novembro. Entretanto, vale ressaltar que qualquer eleitor poderá votar nesse horário, agora os acima de 60 anos terão prioridade.


    Tá eleito


    Vereadores que buscam a reeleição, no próximo pleito, reclamam de uma estratégia que está sendo usada principalmente por postulantes a primeiro mandato no Legislativo, junto ao eleitorado. Trata-se de uma abordagem, ao cidadão, dizendo-lhe que determinado candidato “já está com a eleição garantida”, diz o vereador Edvaldo Lima (MDB), que iniciou o debate sobre o assunto na Câmara.


    Golpes baixo


    O vereador Eli Ribeiro reforça a ideia defendida por Lima: “É golpe baixo de quem fala mal da Câmara, mas quer ocupar uma cadeira aqui. Quem vai decidir é o povo, no dia 15 de novembro”. Para o vereador Josafá Ramos (Patriotas), trata-se de “sabotagem”. Ao espalhar esse tipo de boato, candidatos “lançam uma armadilha para o eleitor”, diz ele.


    Prejuízo


    Moradores do povoado Alto do Santo, em Tiquaruçu, estão enfrentando problemas para cumprir horário de trabalho na cidade, devido a retirada de uma linha de ônibus que atendia àquela comunidade. A reclamação foi apresentada na Câmara, esta semana, pelo vereador Zé Filé (PSD).


    Dificuldade


    Em visita ao distrito, ele constatou que, além das pessoas não conseguirem chegar cedo ao serviço, estão prejudicadas em outros compromissos, como consultas e exames médicos agendados em Feira de Santana.


    Praça adaptada


    Após a conquista do Instituto do Autismo, que o Município está construindo e em breve será inaugurado, as famílias que convivem com pessoas portadoras do espectro reivindicam, em Feira de Santana, a construção de uma praça com ambientes e equipamentos adaptados para estes cidadãos, especialmente crianças e adolescentes. Este anseio foi apresentado na Câmara pelo vereador Cadmiel Pereira (DEM), que tem feito a defesa de interesses do segmento, durante a atual legislatura.


    Jogou a toalha


    Com a ficha suja, enfrentando uma sucessão de problemas judiciais, o ex-prefeito Edemilton Rios (PP), o Dida, jogou a toalha na disputa pela Prefeitura de Várzea da Roça. Alegou ‘perseguição’ da Justiça, e a mulher enfrenta problemas de saúde. Até agora, na Justiça só está dito que ele renunciou. Danilo Rios (PCdoB), o único adversário, soltou foguetes. Os aliados deles dizem que a 22 dias das eleições, mesmo que Dida bote outro, fica difícil.



Os comentários e textos não representam a opinião do portal; a responsabilidade pelo blog é do autor da mensagem.
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia