Em cima da hora:
Baile Municipal de Bezerros vende ingressos para show de Araketu
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • Feeds
  • 21/07/2017


    Sobe - Joesley Batista, que promete processar políticos e jornalistas, que seguiram a linha de Temer e o xingaram publicamente, o presidente está no bolo.


    Desce - Governo Federal e do Rio de Janeiro, por permitir a escalada de crimes, por traficantes, no Rio de Janeiro.


    Pesquisa


    O jornal Folha do Estado e o site Bahia na Política estarão divulgando na próxima semana, pesquisa encomendada pelos dois órgãos de comunicação ao Instituto Sensus. Os dados foram coletados no final da semana passada, na sede e nos distritos de Feira de Santana, com dados relativos à administração do governo do Municipio e do Estado, assim como a avaliação dos governos de José Ronaldo e Rui Costa. Dados sobre candidaturas ao governo, senado, deputados, estadual e federal. Com o apoio da Rádio Geral.com. É só aguardar.


    Processo


    Alvo de críticas em decorrência do acordo de delação premiada que o livrou da prisão, o empresário Joesley Batista resolveu processar políticos, jornalistas e apresentadores de TV que o xingam publicamente. Um dos acionados será o presidente Michel Temer (PMDB), que já o chamou de "bandido confesso". Segundo informações da coluna de Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo, o dono da JBS pretende doar as indenizações que ganhar para uma instituição de caridade.


    Novo ministro


    A Secretaria de Comunicação da Presidência da República confirmou a indicação do atual diretor da Agência Nacional do Cinema (Ancine), Sérgio Sá Leitão, para chefiar o Ministério da Cultura. O convite foi feito pelo presidente Michel Temer, de acordo com a pasta, na quinta-feira (20). Segundo informações da Agência Brasil, Leitão foi aprovado pelo Senado para a direção da Ancine em abril deste ano - antes disso, ele foi chefe de gabinete do Ministério da Cultura durante a gestão de Gilberto Gil.


    Aumento de impostos


    O presidente Michel Temer decidiu aumentar impostos para fechar as contas deste ano, apesar da crise política e de sua baixa popularidade. O governo já bateu o martelo pela elevação da alíquota do PIS/Cofins que incide sobre combustíveis e não depende do aval do Congresso. A medida pode entrar em vigor imediatamente por meio de um decreto. Nos cálculos da área técnica do governo, cada R$ 0,01 de aumento na alíquota do PIS/Cofins sobre a gasolina resulta em uma arrecadação anual de R$ 440 milhões.


    Temer recebeu ACM


    O presidente Michel Temer recebeu o prefeito ACM Neto em um jantar no Palácio do Jaburu - de acordo com informações da Agência Brasil, o encontro já estava marcado há vários dias, tendo como foco assuntos da Bahia. Também participou da reunião o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, com quem o peemedebista já havia jantado um dia antes, na residência do democrata.


    Preocupação, zero


    Sob os holofotes da política desde que deu declarações apoiando o lançamento de uma candidatura própria do PSD em 2018 e também após demonstrar interesse em concorrer ao Senado, ou até ao governo do estado, o presidente da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), Angelo Coronel, afirmou que "não está preocupado" em fazer parte da chapa majoritária da possível candidatura à reeleição de Rui Costa (PT). Ele voltou a dizer que sua ideia era "pendurar as chuteiras" na política, mas foi impedido após uma reprimida do presidente do PSD no estado, Otto Alencar.


    Rui Costa presidente


    Em conversa transmitida pela internet com os jornalistas José Trajano, Juca Kfouri e Antero Greco, nesta quinta-feira (20), o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva falou sobre o cenário das eleições de 2018 caso sua candidatura seja barrada em segunda instância, pelo Tribunal Regional Federal. Ele acredita que a sigla tem nomes viáveis para a disputa, "governadores em três Estados importantes, que têm cacife para ser candidatos", entre eles, o governador da Bahia Rui Costa.


    "Faço cara de coitadinho"


    O deputado federal Wladimir Costa detalhou ao jornal O Globo o modus operandi do presidente Michel Temer para conseguir apoio dos parlamentares aliados contra a denúncia da PGR. Segundo Costa, "Temer não propõe nada, ele pede apoio, mostra cópia da denúncia, diz que é inócua, mas não oferece nada". "Ele diz que vai ver o que pode fazer. 'O que for possível ajudar no seu estado, vamos fazer'. "Faço cara de coitadinho para ele", completou, mencionando como ele próprio faz para conseguir verbas e cargos. 



Os comentários e textos não representam a opinião do portal; a responsabilidade pelo blog é do autor da mensagem.
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia